Quais cuidados tomar com cada tipo de inseticida

Descubra quais cuidados você deve ter com cada tipo de inseticida

Publicado em: 3 maio, 2019
Em: Controle de pragas dedetização Dicas

Já dissemos em outros artigos aqui em nosso blog, a importância de prestar atenção quanto ao uso do inseticida, afinal, inseticidas também são tóxicos e podem causar problemas de saúde caso não sejam utilizados de forma correta.

Cada inseticida tem uma maneira correta de utilizar e caso você não tenha visto ainda, convidamos você a visitar os artigos anteriores em que falamos mais sobre o uso do inseticida e quais opções são menos tóxicas. Confira abaixo:

Nesses artigos você terá acesso a informações mais detalhadas que não iremos tratar aqui.

Neste artigo reunimos os cuidados que você deve ter com cada tipo de inseticida, levando em conta os mais comuns: o aerossol, o elétrico, o automático.

Separe o bloco de anotações para não deixar passar nenhuma dica e repasse para os filhos e outros familiares.

Inseticidas Aerossóis

inseticidas e cuidados na utilizaçãoCom o inseticida do tipo aerossol o cuidado deve ser durante a aplicação, enquanto o produto age e após, quando voltamos ao ambiente.

No rótulo do produto o fabricante já explica como fazer a aplicação e os cuidados que devemos seguir, mas muitas pessoas ignoram essas instruções, mal sabendo os problemas que o contato frequente com esse tipo de produto pode causar.

O correto é que o inseticida seja pulverizado em ambientes vazios, ou seja, sem pessoas e animais de estimação.

Retire todos do local e inicie a aplicação (mesmo para aquelas marcas que dizem que o produto é a base de água).

Durante a aplicação proteja seus olhos e evite que o produto entre em contato com a pele, pulverize o produto com a mão longe do rosto e tente não inspirar o veneno enquanto faz o procedimento.

Só se pode voltar ao local após 20 minutos, ou o tempo descrito pelo fabricante, por isso preste atenção as instruções do rótulo. Depois que passar os 20 minutos, deixe que o local seja bem ventilado e certifique-se de que não ninguém entre no ambiente antes de disso.

Essa é a maneira mais segura para a aplicação.

Inseticidas Elétricos (pastilha, líquido ou difusor)

O cuidado com esse tipo de inseticida também deve ser alto, então busque sempre seguir as recomendações do fabricante e as que trouxemos abaixo:

Como esses produtos são comumente utilizados nos quartos, evite que ele seja ligado nas tomadas próximas a cabeceira da cama, pois dessa forma você evita inalar o produto enquanto dorme.

Como costumam ser ligados em tomadas, e algumas são próximas ao chão, tome cuidado com as crianças e animais de estimação, para que não tentem mexer no dispositivo, o mais indicado é que os inseticidas desse tipo sejam ligados em tomadas mais altas e de difícil acesso para as crianças.

Evite deixar o local todo fechado, pois como esses funcionam como repelentes, manter uma porta ou janela aberta permitem que os mosquitos voem para longe.

Inseticidas Automáticos

inseticidas e cuidados na utilizaçãoOs inseticidas do tipo automáticos são daqueles que mais passam segurança aos consumidores, mas não se enganem, eles são tão tóxicos quanto os outros.

Ter um produto tóxico pulverizando de 10 em 10 minutos (média) no ar que você respira é quase que inaceitável, mas ainda sim, algumas pessoas utilizam e não seguem as recomendações, o que torna o uso totalmente incorreto e ainda mais perigoso.

Após adaptar o produto na parede do ambiente ou no local que desejar instalar (varia de acordo com a marca) esse inseticida começa a ser pulverizado a cada 10 minutos. Com o tempo, as pessoas esquecem do produto e acabam ficando no ambiente enquanto ele está sendo pulverizado pelo veneno.

Ou seja, as pessoas seguem inalando um veneno por um tempo até notarem, o que pode causar grandes problemas. Por isso é importante não adicioná-los em locais onde as pessoas estejam com certa frequência.

Um perigo né? Gostou das dicas?
Compartilhe com seus amigos e familiares!

Nossa recomendação é sempre tomar o máximo de cuidado possível e sempre ler as instruções dos fabricantes sobre como utilizar cada inseticida da melhor forma.

Compartilhar


compartilhar compartilhar compartilhar compartilhar compartilhar

Pesquisar

Veja também

Casos de escorpião aumentam na cidade de São Paulo

São Paulo alerta para o crescente número de escorpiões na capital

Como todo o cuidado e atenção direcionado ao combate ao Coronavírus, outros pontos importantes em relação a saúde pública acabam sendo esquecidos pela maioria da população. É o que vem acontecendo com o número crescente de escorpiões na capital de…

Veja mais...
Coronavírus pode sobreviver até 3 dias

Você sabia que o Coronavírus pode sobreviver até 3 dias em algumas superfícies?

Diante da pandemia em que estamos vivendo, o maior cuidado que podemos tomar é seguindo as orientações da Organização Mundial da Saúde e Ministério da Saúde que recomendam diversos cuidados com a higiene e limpeza, tanto pessoais quanto do coletivo.…

Veja mais...
Dicas de como desentupir o vaso sanitário

O que é bom para desentupir vaso?

Dentro dos problemas comuns de entupimento, seja em uma residência ou empresa, o vaso sanitário é sempre um dos grandes causadores de dor de cabeça, e na maioria das vezes, pega todos desprevenidos. Por se tratar de um vaso sanitário,…

Veja mais...

Comente

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Atendimento Estamos atendendo Envie uma mensagem

Fechar




opcaoopcao