4 dicas para acabar com ratos, insetos e pragas em condomínios

Especial Síndico – 4 dicas para evitar a infestação de pragas no condomínio

Residências, comércios e outros segmentos já sofrem demasiadamente com infestações de pragas das mais diversas, como baratas, moscas e mosquitos, pernilongos, formigas, roedores, escorpiões e outros.

Para condomínios em geral, o fluxo dessas infestações tende a ser muito maior, principalmente pelo espaço, quantidade de pessoas e resíduos produzidos diariamente, o que propõe um local perfeito para atrair essas pragas urbanas.

Sabendo disso, trouxemos abaixo quatro dicas importantes para que síndicos coloquem em prática e evitem problemas com infestações no condomínio.

São elas:

Manter a manutenção das áreas externas

Um condomínio que falta nos cuidados externos, consequentemente, abre espaço para a infestação de pragas como baratas, ratos, formigas, moscas, escorpiões e outros.

É muito importante que a manutenção de locais como jardins, vasos decorativos, plantas e semelhantes para que esses ambientes não sejam atrativos.

Realizar um controle de pragas sempre após a manutenção é uma forma de reforçar os cuidados e ter certeza de que os ambientes estão adequados e livres de insetos e outras pragas.

Manter a manutenção de fossas, caixas de gordura e esgoto

O esgoto em si já é o local preferido da maioria das pragas urbanas, quando não é cuidado de forma adequada, se torna ainda mais atrativo.

Entre as pragas mais comuns que são atraídas para esses locais, estão as baratas e os roedores. Consequentemente, um local que sofre com a infestação de baratas, vai atrair outros tipos de pragas, como o escorpião que é o predador mais próximo.

Além disso, outro grande problema em relação a falta de manutenção desses locais é que uma infestação de baratas ou roedores pode causar a transmissão de diversos tipos de doenças, afetando o bem estar e a qualidade de vida dos condôminos.

Manter a manutenção em dia ajuda a evitar infestações e ainda evita problemas com entupimentos, livrando o condomínio de diversos prejuízos.

Tapar frestas e arrumar pisos soltos

Outros locais que se tornam propícios para infestações, são paredes com frestas e pisos soltos.

A falta de manutenção nesses locais leva insetos e até roedores a usarem como abrigo, principalmente quando são úmidos.

Pisos soltos são os preferidos para os roedores, que aproveitam para roer, aumentar o espaço e criar colônias enormes, dificultando a desratização.

Orientar condôminos quanto aos cuidados adequados com o lixo

Os resíduos gerados dentro de um condomínio são outro atrativo para atrair insetos e outras pragas urbanas.

A falta de cuidado, tanto no armazenamento, quanto na coleta, é um dos maiores causadores de infestações.

Cabe aos síndicos buscarem as melhores formas de orientar os condôminos quanto às práticas adequadas para evitar pragas também nos apartamentos e unidades.

Deixar avisos e compartilhar dicas para cada unidade sobre como separar o lixo, sobre a importância de deixar latas e sacos bem fechados, evitar o acúmulo e períodos longos de exposição, são alguns cuidados que devem ser colocados em prática.

Oriente através de informativos que devem ser entregues nas unidades apresentando os malefícios dessa falta de cuidado.

É muito importante que todos tenham em mente a importância desses cuidados para que a segurança e a qualidade de vida esteja sempre presente para cada um.

Mantenha a dedetização em dia

Claro que não podemos deixar de orientar aos síndicos que nos acompanham, sobre a importância da dedetização e do controle de pragas em dia.

Atrelar os cuidados e a manutenção de todos ao controle e dedetização, mantem o local livre de pragas por muito mais tempo.

O mês de outubro é um dos melhores meses para contratar a dedetização, já que prepara o condomínio para os meses mais quentes, onde as infestações realmente acontecem.

Coloque essas dicas em prática e conte com todo o nosso apoio para ter resultados mais eficazes e condomínios ainda mais seguros.

Compartilhar


compartilhar compartilhar compartilhar compartilhar compartilhar

Pesquisar

Veja também

O que é preciso saber antes de contratar uma desentupidora ou dedetizadora em sp

Especial Síndico – O que é preciso saber antes de contratar uma desentupidora ou dedetizadora

Veja mais...
Doença de Lyme - A doença do carrapato

Doença de Lyme – A doença transmitida pelo carrapato

Veja mais...
Os 4 as que colaboram para a infestações de pragas urbanas

Você conhece os 4 As que colaboram para uma infestação?

Veja mais...

Comente

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Atendimento Estamos atendendo Envie uma mensagem

Fechar




opcaoopcao